Estamos contratando, veja nossas vagas.

A assinatura eletrônica em contratos imobiliários [+4 softwares de digitalização para simplificar os seus processos]

Homem e mulher tomando café com caixas de mudança ao lado sentados no chão olhando para o tablet
Assinatura Eletrônica e Digital
Segmento:

A assinatura eletrônica em contratos imobiliários [+4 softwares de digitalização para simplificar os seus processos]

Os contratos imobiliários cada vez mais estão sendo impactados pela revolução tecnológica. Hoje, a sociedade já percebeu que é possível começar e fechar negócios no setor de imóveis sem precisar se locomover para isso. Tudo feito digitalmente, do conhecimento do espaço até a assinatura dos contratos, que pode ser eletrônica.

Os ganhos com eficiência, redução de custos e produtividade são enormes. Um exemplo, são as visitas virtuais que podem ser feitas nas páginas das imobiliárias na internet e a assinatura eletrônica em contratos imobiliários. Aliás, a rede mundial de computadores transformou totalmente o modo como o brasileiro procura pelo imóvel ideal.

Relatório Real Estate 2020 | PwC

De fato, como se pode observar na evolução presente no gráfico acima, o mercado imobiliário se tornará ainda mais proeminente e global. O relatório Real Estate 2020 mencionou que o seu nível institucional se expandiu em mais de 55% (de US$ 29 trilhões em 2012 para US$ 45,3 trilhões em 2020), podendo crescer ainda para mais US$ 69 trilhões em 2030. Portanto, as previsões mostram um futuro de mercado empolgante e promissor.

Além disso, segundo recente pesquisa da Statista, os preços da habitação variam consideravelmente entre países e cidades, tendo alavancado o seu valor de mercado após a pandemia. O Brasil, por exemplo, é hoje o país da América Latina com maior preço médio de apartamento por m².

Mercado imobiliário global – estatísticas e fatos | Statista

À medida que as pessoas buscam encontrar um equilíbrio entre trabalho e vida pessoal no novo cenário de trabalho remoto, as preferências de aluguel e compra de imóveis sofreram uma mudança significativa. 

Salas maiores e um espaço adequado para montar um home office se tornaram características essenciais dos imóveis mais procurados e os consumidores começaram a procurar casas e apartamentos maiores fora das cidades. 

A startup Quinto Andar observou um aumento de 67% na busca por imóveis de quatro quartos entre abril e maio de 2020, enquanto a demanda por apartamentos de até três quartos aumentou 6% nesse período. A demanda por casas, principalmente as localizadas em condomínios fechados, também aumentou 76%.

Além disso, um total de 13.438 imóveis foram vendidos no Brasil em setembro de 2020, o melhor desempenho mensal de vendas desde 2014. Vejamos, então, como a combinação dessas ações vem revolucionando o Mercado Imobiliário.

Como era o processo de locação antes da revolução digital?

Antes era comum primeiro sair pelas ruas e pesquisar os imóveis à venda ou locação no bairro desejado, depois, procurava-se uma imobiliária e só então eram observadas como as casas ou apartamentos eram por dentro. Atualmente, essas três etapas deixaram de fazer sentido, pelo menos em um primeiro momento.

E agora?

A procura é feita pela internet em sites especializados. Colocam-se todos os filtros que desejar, como bairro, metragem, valor pelo m², quantidade de quartos etc. Depois vai aparecer uma série de imóveis já filtrados, muitos deles com fotos. Só depois dessas etapas é que é feita a procura pela imobiliária ou diretamente pelo proprietário.

O empresário Bruno Prado Lopes, locou recentemente uma casa para passar o final de semana e em etapa alguma do processo precisou se retirar de sua residência:

“Fizemos um cadastro no site Airbnb [uma plataforma digital de locação de imóveis] e selecionamos a região, a casa e as datas de chegada e partida. O dono da casa aprovou o aluguel e debitou de nosso cartão de crédito, em parcelamento pré-definido. Retiramos a chave no local.”

Como devem ser as assinaturas dos contratos imobiliários no futuro?

Neste caso, não houve a necessidade de assinatura de contrato. Mas, se houvesse, o modo mais condizente de se fazer esse processo seria com assinatura eletrônica e essa solução, inclusive, já pode ser utilizada por imobiliárias. As vantagens são enormes. Não é preciso reunir as partes, com suas testemunhas, em um mesmo local, no mesmo horário, atrapalhando a agenda de muitas pessoas, só para assinar um contrato. Às vezes, esse procedimento requer o deslocamento até outras cidades ou regiões, o que encarece demais todo o negócio.

Não tem sentido a assinatura dos contratos imobiliários não ser eletrônica

Além disso, já que praticamente todo o processo de locação e venda é feito de forma eletrônica, por que então na etapa final, do fechamento de contrato, se daria um passo atrás, utilizando a assinatura em papel e caneta no contrato? Não tem sentido, não é mesmo?

Não há dificuldade em assinar eletronicamente um documento

E pensa que a assinatura eletrônica da plataforma da Clicksign é tão simples que qualquer pessoa que tenha um dispositivo com acesso à internet, como um smartphone ou tablet, por exemplo, pode assinar um documento. É só apertar um botão que vai pro e-mail do signatário. Pronto, nada mais.

A plataforma para quem vai enviar o documento para os signatários é, também, muito fácil de ser manuseada. Nos planos mais básicos sequer é preciso do auxílio de um manual ou suporte. A ferramenta é autoexplicativa. Mas, claro, se houver a necessidade de ajuda, a empresa tem uma equipe especializada para isso. 

Tecnologia a favor dos negócios imobiliários: você já está se beneficiando dos novos recursos?

A tecnologia para o setor de gestão de projetos imobiliários ganhou especial importância​​ pela centralização das soluções ajudam a otimizar os processos dos empreendimentos imobiliários, em todas as áreas, incluindo custos, prazos, qualidade, segurança, comunicação de riscos e recursos.

Caso não possuam essas tecnologias, os projetos de construção podem enfrentar maiores desafios e dificuldades, sobretudo, perdendo competitividade e correndo maior risco de sobrevivência no mercado.

Nesse sentido, vejamos 4 ferramentas fundamentais para ganho operacional e otimização da tomada de decisões nessa indústria:

1 – Gestão de Documentos

Ter uma ferramenta para gestão de documentos é imprescindível para que agentes e corretoras se mantenham organizados ao longo de uma transação imobiliária.

Nesse sentido, a Group Software possui um produto voltado para a gestão eletrônica de documentos, chamado Group GED. Através desse software para gestão de documentos GED, é possível armazenar arquivos digitalizados e facilitar a organização da sua companhia, dando agilidade nos processos de gestão.

“O ganho foi tão grande que acabou trazendo um contentamento do cliente. O que virou um elo de comunicação para esses clientes indicarem seus prédios vizinhos para que pudéssemos fazer a gestão. Hoje, completando por volta de 16 anos com condomínios, estamos com uma carteira de 200 condomínios, o que é um salto muito grande. E, realmente, isso se deve muito ao software Condomínio21”.

Christiano Moraes Campos, Zelo Condominios – cliente Group GED

Essa é uma plataforma simples e fácil de usar, com alto grau de acessibilidade, em comparação com as outras soluções disponíveis no mercado. Além disso, pode ser utilizada por condomínios, shoppings, imobiliárias e as mais diversas prestadoras de serviços. Entre os seus principais benefícios, podemos citar:

  • Obtenção de vantagem competitiva sustentável para a sua administração;
  • diminuição de impressões e otimização de tempo e recursos financeiros;
  • rapidez na conferência de documentos e prestação de contas;
  • redução de custos com cópias de documentos;
  • redução de custos com aquisição de armários, caixas e espaço físico para organização de documentos;
  • redução do risco de extravio no transporte e arquivamento das pastas;
  • e muito mais!

2 – Mapeamento de Imóveis

Se você procura por mais produtividade e menos inadimplência nas suas locações, realizando o mapeamento do seu portfólio de imóveis, a Widesys pode ser a resposta.

As suas funcionalidades são úteis tanto para corretores de imóveis independentes, quanto para imobiliárias de renome no mercado. Afinal, o mapeamento imobiliário correto traz informações precisas e baseadas em dados sobre um projeto novo ou existente, tornando mais fácil criar campanhas de anúncios direcionadas ao público certo.

Em linhas gerais, o objetivo desse software é oferecer um sistema completo de locação e vendas, com aplicativo de vistorias, controle de aluguéis e repasses, conta digital e financeiro integrado.

Além disso, essa ferramenta melhora a gestão da carteira de clientes, fornece dados sobre seus comportamentos e permite o acompanhamento de feedbacks e follow-ups.

3 – Comunicação e Mobilidade

A digitalização, assim como a globalização, a inovação e as mudanças demográficas estão colocando novas demandas sobre o espaço. Isso resulta em requisitos diferenciados na qualidade dos imóveis, nas plantas e no equipamento técnico, bem como na maneira como eles são gerenciados.

Essas mudanças por si só apresentam grandes desafios ao setor imobiliário. Em resposta à essa alteração estrutural, as empresas estão exigindo e antecipando cada vez mais flexibilidade, comunicação e mobilidade para descomplicar a vida do seu cliente.

Assim, para ajudar imobiliárias tradicionais a se digitalizarem para focar no que realmente importa, surgiu a Universal Software – uma companhia com mais de 30 anos de mercado, considerada a melhor plataforma de gestão imobiliária da América Latina, que tem a missão de alavancar os resultados de seus negócios imobiliários através de soluções exclusivas:

  • gestão comercial;
  • administração de imóveis;
  • gestão financeira;
  • gestão de contratos de venda e controle de comissões;
  • pré-atendimento;
  • sites otimizados nos motores de busca e integrados ao CRM;
  • aplicativo para vistoria de imóveis e
  • esteira digital para realizar a operação da locação.

De fato, a previsão da demanda imobiliária, tanto em qualidade quanto em quantidade, também está se tornando significativamente mais complexa. A única maneira de contornar essa imprevisibilidade não está apenas na mudança do core business das empresas, mas através da implementação de ferramentas capazes de antecipar e contornar os principais desafios desses novos tempos.

“Antes nós tínhamos 12 corretores de imóveis, alugando em média 30 contratos de locação por mês, hoje nós temos 5 corretores alugando em média 80 contratos de locação”.

Pedro Novaes, diretor comercial da Âncora Imobiliária

4 – Assinatura eletrônica

Como já dito anteriormente, a utilização da assinatura de documentos online no setor imobiliário evita gargalos que causam estresse e aceleram o caminho para o fechamento do negócio.

Nesse sentido, a Clicksign, primeira empresa de assinatura eletrônica do Brasil e primeiro player do mercado de assinatura eletrônica a obter o certificado ISO 27001 – norma de reconhecimento mundial para a gestão da Segurança da Informação, utiliza as mais avançadas tecnologias para prover a validade jurídica dos documentos assinados. Veja como é simples e fácil assinar um documento para assinatura:

Finalmente, se você também deseja digitalizar os seus processos, como já fazem as principais empresas do mercado, a Clicksign é a solução ideal para acelerar o crescimento do seu negócio!

Saiba mais sobre como a Assinatura de Documentos Online pode revolucionar os seus processos, faça um teste gratuito e veja como é possível fazer uma assinatura, com validade jurídica, em menos de 1 minuto. Experimente, não requer cartão de crédito!

Avalie esse conteúdo

Comments (4)

  1. marco antonio collares

    gostaria que um representante entrasse em contato para analisarmos tecnicamente a ferramente. pois sou da area de TI da empresa. só faço recomendações tecnicas. não tomo decisões financeiras

    30/04/2021 at 17:46
    |Responder
    1. Barbara Marinelli

      Olá Marco!
      Para agendar uma conversa com um especialista, basta clicar no link abaixo e preencher o formulário
      https://clicksign.com/contato

      21/05/2021 at 09:40
      |Responder
  2. Iêda Moreira Guimarães

    Boa tarde!
    Gostaria de saber, como fazer quando a foto não dá pra identificar a imagem na assinatura. É preciso cancelar o contrato e fazer outro?
    Desde já, agradeço na esperança da resposta.
    Atenciosamente
    Iêda

    10/10/2021 at 12:14
    |Responder
    1. Ashley Paes

      Boa tarde, Iêda. Como vai?

      Você está falando sobre um documento digital ou um documento digitalizado? (Clique aqui para entender a diferença)

      Caso esteja falando sobre um documento digital assinado pela Clicksign, peço que entre em contato com nosso time de suporte pela página de ajuda.

      Obrigada.

      11/10/2021 at 14:50
      |Responder

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *