Estamos contratando, veja nossas vagas.

Blog

Futuro do trabalho: inovações para o RH

inovações para o RH
Negócios

Futuro do trabalho: inovações para o RH

O futuro do trabalho passa, sem dúvidas, pela digitalização do RH. Cada vez mais, essa área pede processos que tenham a tecnologia como base de trabalho.   

Assim, a transformação constante de carreiras e empresas, o aprendizado, a modificação da rotina, um horário flexível e um mercado de trabalho mais competitivo são tendências que já vinham acontecendo e devem se consolidar daqui para frente.  

Essas transformações ocorrem com maior velocidade, graças ao ágil desenvolvimento da ciência e tecnologia, assim como por causa das mudanças drásticas que a pandemia de Covid-19 causou. O isolamento social mostrou que a tecnologia é algo concreto, sustentável e indispensável para as instituições, ainda mais com a nova perspectiva ocasionada pelo vírus. O exemplo disso são as entrevistas de emprego que hoje, principalmente após o isolamento, são feitas primeiro via webconferência e somente em uma segunda etapa o candidato é convidado a se apresentar diante de seu futuro gestor ou do profissional de RH que faz as contratações. Aliás, muitas vezes, sequer há a necessidade de ter uma entrevista presencial. Já atingimos um estágio em que toda a contratação pode ser feita à distância, utilizando-se da tecnologia. 

Admissão digital

A admissão digital, não passa somente pelas entrevistas online. Ela começa já no próprio anúncio das vagas, que é feito em plataformas na internet, como redes sociais, por exemplo. Depois das entrevistas vem todo o processo de documentação. A assinatura do contrato de trabalho é feita por meio de assinatura eletrônica. A foto e outros documentos são digitalizados e enviados via internet. E a carteira de trabalho deixou de ser aquela pequena caderneta em papel para se transformar em um documento digital. 

É a tecnologia presente em diversas inovações para facilitar o dia a dia do RH. Ainda mais hoje, em 2020, em que tantos processos ficaram prejudicados por conta da pandemia.

Mas vamos ver o que muda no mercado de trabalho no futuro.    

Tendências para o futuro do trabalho

Existem algumas tendências de como o mercado de trabalho vai se tornar no futuro. Listamos aqui 8 delas. Vamos ver quais são?

Maior concorrência

Características físicas, econômicas ou de locomoção, vão ser cada vez menos importantes na hora de se fazer uma contratação. Pois as empresas vão escolher o candidato mais preparado para a vaga. A seleção será feita com critérios técnicos e baseada nos conhecimentos e experiência do candidato. Dessa forma, um profissional da Região Sul pode ser selecionado sem quaisquer objeções para um emprego em uma empresa na Região Nordeste, já que o trabalho pode ser feito de forma remota. 

Outro ponto importante a ser destacado é a crescente utilização de robôs e sistemas de automação do trabalho. Mas isto não deve ser visto como uma concorrência para os colaboradores, mas sim como uma forma de facilitar e agilizar tarefas que antes eram exclusivamente operacionais e demandavam muito tempo para serem executadas. 

Um colaborador não ficará para sempre na mesma empresa

Apesar de ainda ser muito bem visto o tempo em que um colaborador fica em uma mesma empresa, essa é uma tendência que está se transformando. A nova geração de profissionais, chega ao mercado com o objetivo de trabalhar nos projetos que mais lhes satisfaçam. Assim, caso o ambiente de trabalho fique tedioso ou inóspito, será muito difícil reter o profissional. 

Dessa forma, as empresas vão ter que se adaptar e encontrar novos meios de atrair e manter os melhores profissionais do mercado.  

Mais estudos no futuro do trabalho

Mais do que nunca os estudos são um dos fatores mais relevantes na hora de se encontrar um trabalho e se manter empregado. Os profissionais devem se aperfeiçoar com mais frequência adquirindo mais conhecimentos. Dessa forma, atualizações pontuais e cursos de reciclagem de conteúdo dinâmico e rápido, feitos online ou dentro da própria instituição, vão ditar o aprendizado no futuro do trabalho. 

A crescente renovação tecnológica pede atualização mais constante das pessoas, principalmente no modo de como se vai utilizar as novas ferramentas digitais.  

O escritório será onde o profissional está

Esse tópico do futuro do trabalho já pode ser visto e muito bem testado durante a quarentena provocada pelo coronavírus. Foi provado que o profissional de hoje pode trabalhar de onde quer que esteja, mantendo a sua produtividade e ainda diminuindo os custos para a empresa. Afinal, não será mais preciso pagar alimentação e transporte para o colaborador; e água, luz e telefone de um escritório enorme. Cada profissional trabalha de sua casa. Ou melhor, do lugar em que preferir. Pode ser um hotel, um aeroporto, um restaurante, um coworking, enfim, com a tecnologia e o acesso à internet é muito mais fácil ser o seu próprio escritório. 

A Clicksign já tinha uma cultura de trabalho remoto antes mesmo de começar a pandemia. Com a quarentena não houve dificuldades de adaptação ao novo tipo de rotina. As reuniões são feitas via webconferência, a comunicação é feita através de ferramentas digitais, os arquivos são armazenados na nuvem e ficam disponíveis para toda a empresa. Tudo isso, mostra que a tecnologia permite que o futuro do trabalho seja totalmente online.

Oito horas de trabalho diário? 

A Flexibilidade é uma das palavras chaves para o futuro do trabalho. Não haverá mais horário para entrar ou sair do escritório (se é que haverá escritório, como já falamos aqui), cargas menores no expediente e horas reduzidas vão ser fatores fundamentais para os profissionais escolherem em qual empresa vão trabalhar. 

Assim, para reter funcionários ou conseguir contratar os melhores profissionais do mercado, o fator das horas trabalhada será muito valioso. Talvez até mais do que o próprio salário, já que o profissional do futuro não quer apenas dinheiro. Os trabalhadores de hoje valorizam cada vez mais o bem-estar familiar e pessoal, como trabalhos sociais e qualidade de vida. 

A tecnologia como aliada no futuro do trabalho

Como já dito neste artigo, a tecnologia vai, de certo modo, ocupar um lugar maior nas empresas. Isso deve ser visto como uma oportunidade, já que para operar as ferramentas digitais e tecnológicas será preciso de profissionais especializados. 

Portanto, o mais provável que aconteça é uma sinergia entre o trabalhador e a automação. Dessa forma, os profissionais que trabalharem em harmonia com as novas tecnologias conseguindo com isso maior produtividade e transformações positivas, vão estar em evidência.

A tão falada globalização

Se formos analisar historicamente a globalização já acontece há muito tempo. Mas foi só nos últimos anos que atingimos um estágio em que os limites geográficos, quando falamos de empregos e negócios, não são mais um obstáculo. 

É importante que empresas e profissionais saibam que novos mercados vão surgir e rotas comerciais que antes eram inviáveis terão acesso de produtos e serviços de diferentes locais do mundo. O e-commerce é uma tendência que cresce cada vez mais, com entrega de produtos mais prática e rápida.     

Novas profissões

Algumas profissões ainda nem foram criadas e já estão em mudança considerável. Com o avanço científico e tecnológico, o perfil das profissões que ainda estão sendo desenvolvidas promete mudar muito. A maioria das crianças hoje, podem no futuro, atuar em trabalhos que ainda não existem. Ou seja, há um enorme potencial, que se abre para as novas gerações, de poder criar um mundo melhor e mais desenvolvido.

Este é o futuro do trabalho. Um tempo em que as relações presentes hoje entre RH e profissionais vão ser profundamente alteradas. Mas o que as tendências dizem é que tudo isso será para melhor. 

Gostou desse conteúdo? Não perca tempo e assine nossa News! 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *